ARMAZÉM REFRIGERADO ARAFUNE

ARMAZÉM REFRIGERADO ARAFUNE
Crédito da foto: Província de Gunma

Na Fábrica de Seda de Tomioka e suas coligadas foram introduzidas as mais recentes técnicas de sericultura do ocidente. Em 1872, a Fábrica de Seda de Tomioka, a Fazenda de Sericultura Tajima Yahei, a Escola de Sericultura Takayama-sha e o Armazém Refrigerado Arafune, formaram as 4 propriedades ligadas a indústria da seda de Gunma. Estas propriedades são consideradas os protótipos da atual sericultura praticada no Japão.

Antigamente era comum a prática da sericultura na primavera. Na segunda metade do século 19, começou-se a armazenar os ovos do bicho-da-seda num lugar onde、mesmo no verão, circulavam ventos de baixa temperatura. Isto possibilitava o ajuste do período de incubação dos ovos, dando início a prática da sericultura várias vezes ao ano.

Niwaya Senju aprendeu a técnica de sericultura na Escola de Sericultura Takayama-sha e, encontrou o local com ventilação de baixa temperatura. Seu pai, Niwaya Seitaro, orientado por especialistas na área de meteorologia, sericultura e engenharia civil, construiu entre os anos de 1905 até 1941, o Armazém Refrigerado Arafune. Este local é considerado o maior depósito dos ovos do bicho-da-seda do Japão. Armazenou os ovos provenientes da península coreana e das 40 províncias do Japão, contribuindo para o aumento de produção dos casulos.

Quando a Fábrica de Seda de Tomioka iniciou o movimento para a melhoria dos casulos, o armazém cooperou guardando os ovos de testes.

Nos arredores do Armazém Refrigerado Arafune, mesmo no verão, sopram entre as fendas das rochas ventos na temperatura de 2 graus. Para aproveitar esse vento gelado, empilhou-se pedras no declive da montanha e, construíram neste local um armazém com paredes grossas de barro onde eram guardados os ovos do bicho-da-seda.

As pedras empilhadas na lateral da montanha tinham fendas para a passagem do ar frio e, as pedras empilhadas do lado da ribanceira tiveram os seus vãos vedados para evitar a saída do mesmo. A parte interna do armazém era composta de três andares sendo: um andar no térreo e dois andares no subsolo, que eram utilizadas de acordo com o período de retirada dos ovos do bicho-da-seda.

Os armazéns ainda se encontram preservados. O armazém nº1, foi o primeiro a ser construído e, localiza-se mais ao fundo (curso superior do rio). O armazém nº2 (o maior dos três) foi construído na parte central e, o último a ser construído que se localiza na parte dianteira é o armazém nº3. Ainda, do lado deste último, aplainaram um terreno onde construíram um prédio administrativo chamado "bansha".

ARMAZÉM REFRIGERADO ARAFUNE
Shimonita-machi Minaminomakiko 10690-2 Map
Fechado entre os meses de dezembro à março, sendo proibida a entrada no interior dos armazéns
Informações: 0274-82-5345

Pontos turísticos próximos
http://gunma-dc.net/arafune-kinuisan

Outros locais da indústria da seda de Gunma
http://worldheritage.pref.gunma.jp/pt/